quarta-feira, 30 de abril de 2014

Valeu a pena


O amor é para sempre
Até acabar
Mas como saber se foi amor mesmo?
Quando não houver mais relação entre os dois
Quando cada um tiver tomado um rumo na vida
E ao se encontrarem na rua, por acaso
E ao olhar nos olhos
Ver que aquela pessoa 
Fez uma parte da sua vida ser incrivelmente feliz
Que por ela valeu tudo a pena 
E se o passado voltasse
Faria tudo de novo
Igualzinho.

Distância


É noite
Cada um em uma cidade
Cada um deitado em sua cama
Ambos acordados
Ambos pensando um e no outro
Ambos desejando conversar
Mas ambos calados
Separados pela distância
Não a distância entre as cidades
Mas entre os dois.

terça-feira, 29 de abril de 2014

Descoberta do amor


Uma vez que descobre o que é o amor
O que é amar e ser correspondido da mesma forma
E o quão grandioso que ele é
Não consegue-se mais viver sem
Porque quando ele se vai
Fica um abismo tão grande
Que é atormentador
E enquanto não encontra alguém que preencha

(silêncio) 

terça-feira, 15 de abril de 2014

O amor é essencial à vida


Uma afirmação que não é uma novidade
Mas há aqueles que são contra
E não os julgo
Pois por muito tempo tive esses olhos
Porém, o amor tem três lados.

Ele pode te fazer sofrer
E deste lado estão os que são contra
Eles amam, mas não são amados
Daí surge o ódio
O sofrimento faz com que odeiem o amor.

Ele pode te fazer feliz
E os deste lado, os meus parabéns
Porque amam e são amados.

E o terceiro lado
(o que arrisco a dizer ser o mais importante)
Ele dá sentido a tudo na vida e por isso é essencial
Pois o dia que não houver amor
Você se perderá dentro de si mesmo.